Objetivos De Cada Investimento: Como Escolher Ativos

Objetivos De Cada Investimento: Como Escolher Ativos

Uma situação comum para o investidor iniciante: não saber quanto de dinheiro ele deve direcionar para cada aplicação. Mas a primeira pergunta é: o que você está buscando com cada produto?

Entenda que, para cada objetivo, há um tipo de investimento mais adequado. “Dentro de cada classe, existem ativos com mais e menos risco. Então, você precisa sempre lembrar dos seus projetos e perfil para continuar fazendo escolhas adequadas”, afirma a planejadora financeira Lueny Santos, no Papo com Especialista, programa ao vivo do UOL.

Esse é um trecho do terceiro aulão da série “Como sair da poupança com segurança para ganhar mais dinheiro”. Veja aqui a live completa.

Leia abaixo a análise da planejadora financeira e assista ao trecho do programa. O Papo com Especialista é um tira-dúvidas sobre investimentos exclusivo para assinantes e é transmitido semanalmente, às quintas-feiras, das 16h às 16h40.

Para também ter sua dúvida respondida no programa, envie sua questão para o Papo pelo email uoleconomiafinancas@uol.com.br.

O que você deve analisar antes de investir

Você precisa saber o que está buscando com cada ativo. Pode ser manter o patrimônio, ter uma rentabilidade acima da inflação, acompanhar as Bolsas globais e a brasileira, entre outros objetivos. Também pode estar guardando para se aposentar, fazer uma viagem ou ainda comprar um carro ou imóvel. Para cada alvo, um tipo de investimento é mais adequado.

Entenda seu perfil de investidor. Por exemplo: Quem é mais conservador, geralmente investe 80% em renda fixa, 10% em inflação, 5% em multimercado e 5% em global, por exemplo. Veja abaixo um quiz do UOL para saber qual é seu perfil.

Cada especialista vai recomendar uma carteira diferente, mas você precisa pensar na sua estratégia. Você não precisa se encaixar 100% em uma categoria que o gerente do banco te sugeriu. “Se o conservador investe 80% em renda fixa, e o moderado 35%, e você não se encaixa em nenhum, fica no meio. 60% em renda fixa é um percentual interessante para você? A gente só consegue mudar a forma como lida com o dinheiro, indo para a prática”, diz.

Comece aos poucos. Mesmo que seu perfil seja mais arrojado, invista nesses ativos mais arriscados aos poucos, e não de uma vez, para não se assustar com o sobe e desce. “A ideia é que você vá subindo os degraus aos poucos”, diz Lueny.

Para quem está começando agora, está saindo da poupança e busca outras possibilidades de investimentos, nossa sugestão é sempre começar com menos risco do que acha que poderia. Isso é para você poder testar mesmo. Investir só se aprende investindo.
Lueny Santos, planejadora financeira

Escolha as classes de ativos que irão compor sua carteira: renda fixa, inflação, multimercado, renda variável e global. Defina qual vai ser a fatia que cada ativo vai ocupar no seu investimento total.

Diversifique mesmo dentro de uma classe. Por exemplo: você define que irá investir 30% em renda variável, sendo 10% em fundos imobiliários, 10% em fundos de ações e 10% em carteira de ações. “Dentro da classe, você ainda está diversificando, procurando produtos descorrelacionados, ou seja, produtos que se movimentam de forma diferente”, afirma ela.

Vale lembrar que, dentro de cada classe, existem ativos com mais e menos risco. Então, você precisa sempre lembrar dos seus projetos e perfil para continuar fazendo escolhas adequadas.
Lueny Santos, planejadora financeira

Aulão: como sair da poupança com segurança para ganhar mais dinheiro

A poupança é o investimento mais usado pela maioria dos brasileiros. Mas há outras opções que podem ser mais vantajosas e que rendem mais.

Para quem está começando a investir, UOL terá uma série de quatro aulas ao vivo sobre como diversificar sua carteira. A série começa no dia 1° de junho.

O tema será “Como sair da poupança com segurança para ganhar mais dinheiro”. Falaremos sobre as opções de investimento que existem, como avaliar o seu perfil para investir de acordo com sua tolerância ao risco, como diversificar sua carteira e como saber se os seus investimentos estão de acordo com os seus planos e sonhos.

As duas primeiras aulas já estão no ar. O primeiro episódio e fala sobre quais são os principais investimentos existem, como funcionam e quais são seus riscos. Assista à aula completa aqui. Já o segundo episódio mostra como descobrir qual é o seu perfil de investidor para aplicar melhor seu dinheiro, veja aqui.

Assista ao aulão no Papo com Especialista, programa ao vivo do UOL, todas as quintas-feiras, das 16h às 16h40.

Assinantes do UOL podem reassistir às aulas quantas vezes quiserem. Ao final, os assinantes ainda vão ganhar um guia exclusivo sobre como investir além da poupança. Assine aqui e participe!

A última série do Papo com Especialista foi sobre como ter renda passiva pingando na sua conta com os investimentos. Para saber mais, acesse o especial “Guia de Investimentos para ter Renda Passiva”, exclusivo para assinantes.

Quer investir melhor? Receba dicas em seu email

Você quer aprender a ganhar dinheiro com segurança em investimentos no curto, médio e longo prazo, mesmo que nunca tenha investido?

A página de investimentos do UOL tem uma newsletter gratuita que o ajuda nesse objetivo. Ao assinar, você recebe todos os dias, antes da abertura da Bolsa, uma análise do mercado feita pela equipe do PagBank Investimentos. Com essa newsletter, você vai aprender a investir e entender o que está acontecendo com o mercado.

Além da newsletter diária, você também recebe, semanalmente, uma análise sobre investimentos, com dicas sobre como aplicar melhor e com segurança seu dinheiro. Para assinar a newsletter gratuita de investimentos do UOL, é só clicar aqui. Há ainda conteúdos diários sobre diversos tipos de ativos.

Tem dúvidas sobre ações, fundos e outros investimentos da Bolsa? Envie sua pergunta para uoleconomiafinancas@uol.com.br.

FONTE UOL

Investidor jv

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *