Magalu Ações Aumento Capital

Magalu Ações Aumento Capital

A transação trará mais flexibilidade financeira para investir em iniciativas de crescimento. Foi o que comentou o Goldman Sachs, em documento para o mercado. “Vai reduzir a alavancagem global”, publicou o banco americano.

Alavancagem é um termo do mercado para medir o endividamento da empresa. A do Magalu era de 6,3 vezes (projetada pelo JPMorgan para 2024). O Goldman Sachs calculou que essa relação (débito por ebitda) era de 6,2 vezes no terceiro trimestre. Isso quer dizer que, para pagar o que deve, a empresa levaria mais de seis meses se pudesse usar todo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (ebtida) que tiver nesse período.

Com o aporte, esse período cai para 5,7 vezes, segundo o JP Morgan. É a mesma estimativa do Goldman Sachs.

Além de diminuir a dívida da empresa, haverá investimentos. O dinheiro arrecadado, segundo o Magalu, também será usado para acelerar o investimento em tecnologia, como o aprimoramento de sua plataforma de marketplace.

O que o aporte muda para o acionista?

Na prática, a família Trajano aumenta sua participação na empresa. Isso significa que a parte dos minoritários perde peso. “Mas não vai representar uma diluição grande dos acionistas minoritários”, diz Leonardo Piovesan, analista fundamentalista da Quantzed.

FONTE UOL

Investidor jv

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *