Lula tem mais paciência para conversas do que Bolsonaro

Lula tem mais paciência para conversas do que Bolsonaro

Nesse período de críticas, Lula chegou a chamar Campos Neto de “esse rapaz”, “esse cidadão”, e o descreveu como alguém que não entendia muito do Brasil e dos brasileiros.

O comandante da autoridade monetária diz ser “possível” que outras reuniões aconteçam, mas explicou que nada ficou previamente marcado.

Campos Neto voltou a dizer que, desde o começo do atual mandato, sempre se colocou à disposição para conversar com Lula e que decidiu mandar um ofício solicitando um encontro para ter registro e não deixar parecer que fosse uma resistência de sua parte. “O presidente da República é o presidente da República, é importante a gente conversar, ouvir o outro lado”, justificou.

O jornalista Pedro Bial perguntou como Campos Neto usou o tempo durante os 68 minutos em que aguardava numa antessala antes de ser atendido por Lula. O presidente do BC disse que “não foi tudo isso, não”, mas que conversou com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, e outros interlocutores.

Haddad foi quem fez a aproximação entre as partes. “Tenho um relacionamento muito bom com o ministro Haddad”, disse Campos Neto.

Diferenças de governo

Apesar disso, o presidente do BC pontuou que se trata de um governo com uma visão diferente sobre como lidar com as questões em relação ao anterior. “É um governo que, por construção, tem pessoas que pensam de forma diferente, mas estão tentando chegar num lugar-comum, que é melhorar a vida dos brasileiros”, disse.

FONTE UOL

Investidor jv

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *