Governo prepara fundo de R$ 6 bi para aéreas e quer baratear querosene

Governo prepara fundo de R$ 6 bi para aéreas e quer baratear querosene

Segundo o ministro, o fundo está sendo modelado — a forma e o valor final ainda estão em discussão —, mas a ideia é que ele conte aproximadamente com um montante “entre R$ 4 a 6 bilhões de financiamento”.

Na reunião desta quarta, explicou, o governo pôde avançar na análise para lançar um plano de fortalecimento da aviação brasileira, o que inclui medidas para reduzir o querosene de aviação.

“Nós estamos nesses próximos dias dialogando com as aéreas e com a Petrobras, nós vamos avançar o diálogo com o presidente (da estatal) Jean Paul (Prates), para que a gente possa na próxima semana efetivamente apresentar uma proposta”, disse Costa Filho.

Segundo o ministro, a discussão desses dois eixos da agenda da aviação civil é um reflexo do “compromisso” do presidente Lula (PT) em dedicar um olhar mais atento ao setor, prejudicado pela pandemia de covid-19.

Costa Filho adiantou, ainda, que resolvidas as questões do querosene e do fundo, o governo quer avançar na agenda, levando-se em conta a possibilidade de entrada de novas companhias no mercado, “não só internacionais, mas já há grupos de investidores brasileiros”.

Em outra frente, a ideia é procurar o Poder Judiciário para discutir a judicialização do setor. O fortalecimento da aviação regional e a construção de novos aeroportos, prevista no Novo PAC, também estão no horizonte do ministro em um segundo momento.

FONTE UOL

Investidor jv

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *