acesso só pode ser feito com contas gov.br prata e ouro

acesso só pode ser feito com contas gov.br prata e ouro

A partir desta segunda-feira (12), o eSocial, sistema criado para unificar o envio das informações fiscais, previdenciárias e trabalhistas, passará a ser acessado unicamente por meio do contas gov.br dos níveis ouro ou prata.

O que aconteceu?

A descontinuação do login via código de acesso começou em dezembro de 2022. A transição foi feita gradualmente para dar tempo aos usuários a se adaptar às novas regras de identificação.

O objetivo da mudança é melhorar a segurança digital. Segundo o governo, o acesso via login único do gov.br traz camadas extras de proteção para os usuários do eSocial.

Os usuários que ainda não possuem o login via gov.br níveis ouro ou prata devem providenciá-lo. A exigência de conta gov.br vale tanto para empresas quanto pessoas físicas que usam o eSocial.

A folha de junho/23, que vence em 07 de julho, só poderá ser entregue por usuário com conta gov.br. Veja a seguir o que é preciso para subir o nível de segurança da sua conta com o governo federal.

Nível prata

Os usuários podem chegar a esse nível se cumprirem algumas das exigências listadas abaixo:

  • Ter cadastro no Sigepe (base de dados de servidores públicos da União)
  • Ter cadastro no Denatran validado por Biometria Facial
  • Ter conta em Internet Banking (apenas das seguintes instituições: Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, Caixa Econômica, Banco de Brasília, Sicoob e Santander).

Nível ouro

Os usuários podem chegar a esse nível de duas maneiras:

  • Com cadastro no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) validado por biometria facial
  • Com cadastro via certificado digital (validação e autenticação compatível com as especificações ICP-BRASIL).

Veja nesta reportagem um guia completo para subir o nível de segurança de sua conta gov.br para prata ou ouro.

FONTE UOL

Investidor jv

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *