3 passos para escolher o melhor investimento para você e seus sonhos

3 passos para escolher o melhor investimento para você e seus sonhos

Caso o seu dinheiro seja para emergência, as opções de baixo risco e liquidez diária existentes no mercado são as seguintes: poupança, fundo DI e Tesouro Selic (um dos títulos do Tesouro Direto). Entre essas três opções, o Tesouro Selic é a mais rentável. Já o fundo DI, se tiver uma taxa de administração inferior a 1% ao ano, terá um rendimento muito próximo ao do Tesouro Selic e é mais prático porque não requer que você abra conta em uma corretora. Vai de cada um decidir se quer o mais prático (fundo DI) ou o que rende um pouco mais (Tesouro Selic).

A poupança é tão prática quanto um fundo DI, mas a rentabilidade é muito mais baixa, então não vale a pena. Algumas pessoas usam CDB, LCA e LCI para reserva de emergência. Eu, particularmente, sou contra, porque esses ativos têm um risco um pouco maior do que o Tesouro Selic e os fundos DI.

Quanto ao dinheiro para comprar um bem ou serviço específico, o ideal é que você divida em aplicações prefixadas, pós-fixadas e indexadas à inflação, para diluir o seu risco

Assim, você entra em contato com o seu gerente ou assessor e faz três perguntas:

  • “Qual é o investimento pós-fixado mais rentável que você tem com vencimento no mês tal, ano tal?”
  • “Qual é o investimento prefixado mais rentável?”
  • “Qual é o investimento indexado à inflação mais rentável?”

Diga a ele que você quer a rentabilidade líquida, ou seja, descontado o Imposto de Renda. Ao receber as respostas, você já terá escolhido os investimentos. Basta dividir o seu dinheiro em três partes iguais: uma para um investimento pós-fixado, outra para um indexado à inflação e a terceira para um prefixado.

FONTE UOL

Investidor jv

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *